Sistema de gestão de investimentos leva à alta performance

09/11/2018 Por: Marcos Puccini

Assim como tantas outras áreas, o mercado financeiro tenta acompanhar a evolução da tecnologia. Com isso, as mudanças no setor acontecem em um ritmo exponencial. Novos produtos, soluções criativas, experiências otimizadas e alterações nas regulações impactam diretamente na oferta de sistemas de gestão de investimentos adequados.

Para construir e manter uma estrutura com alta adaptabilidade e flexibilidade, as empresas especialistas em gestão de investimentos buscam formar equipes com profissionais qualificados e experientes. Isso porque os times costumam encarar tarefas desafiadoras e precisam ter as melhores ferramentas à disposição.

Quer saber mais sobre a importância de ter uma boa solução? E mais: entender como um parceiro especialista no assunto pode ajudar você? Então, continue lendo esse texto!


#1 Equipe multidisciplinar com alta performance

Antes mesmo de pensar em adotar um software, é necessário priorizar a formação do seu time. Para dar conta de todos os desafios da área, incluindo as frequentes mudanças na regulação, e manter os sistemas de avaliação de investimentos atualizados é preciso fomentar a criação de uma equipe multidisciplinar. Ela deve ter como foco uma série de atribuições:

  1. Monitorar as mudanças no mercado;
  2. Interpretar as mudanças regulatórias/mercado e o funcionamento dos novos produtos;
  3. Ajustar os códigos-fonte (programas de computador) e seus respectivos bancos de dados;
  4. Assegurar a qualidade por meio da execução de testes unitários;
  5. Fazer os testes integrados via sistema modificado com os legados;
  6. Rodar o paralelo;
  7. Implementar os ajustes no ambiente de produção.

É um conjunto de tarefas estratégicas importantes, que devem ser executadas com cuidado. Afinal, os fatores externos não podem prejudicar o funcionamento dos sistemas de gestão de investimentos.


#2 Sistemas proprietários requerem investimento mais alto

Normalmente, quando falamos em software proprietário os custos tendem a ser mais elevados. E a tendência se aplica aqui: o conjunto de processos descritos no item anterior torna-se substancialmente mais caro quando a empresa mantém um sistema proprietário, desenvolvido e mantido pelo time interno.

A boa notícia é que outras alternativas vêm surgindo, visando à execução mais simples e à redução de custos.

Os sistemas fornecidos por Vendors Especialistas, por exemplo, vêm se destacando. Eles proporcionam ganho de escala nas tarefas e nos processos elencados. Isso porque o custo de manutenção/evolução é compartilhado entre vários clientes. Ou seja, todos pagam um pouco pelo serviço, mas também se beneficiam dele. Uma ótima alternativa, não é mesmo?

Porém, vale lembrar que o serviço de manutenção dos sistemas de gestão de investimentos não pode 100% terceirizado.

Até mesmo quando os sistemas são fornecidos por Vendors, três atividades do conjunto precisam, necessariamente, ser executadas pela equipe interna da instituição financeira. São elas:

  1. 1 Execução de testes integrados via sistema modificado com os legados;
  2. 2 Rodar o paralelo viabilizando a conferência das informações fornecidas pelas empresas parceiras;
  3. 3 Implementação dos ajustes no ambiente de produção.

Embora traga uma série de possibilidades, a desvantagem dos Vendors é o prazo para implementação das customizações: em alguns casos, pode chegar a dois anos.


#3 BRITech oferece processo de Continuous Delivery

Com expertise na área, a BRITech é um dos únicos Vendors Especialistas que conseguiu implementar um processo de Continuous Delivery, isto é, entrega contínua nas soluções de software oferecidas em ambiente cloud.

Assim, você tem o processo completo de manutenção do sistema de gestão de investimentos em cloud. As atividades de 1 a 4, elencadas no primeiro tópico do artigo, são executadas na plataforma da BRITech, garantindo uma série de benefícios:

  1. Baixo custo de infraestrutura de tecnologia da informação;
  2. Alta performance, escalabilidade e disponibilidade com suporte 24 horas por dia, 7 dias na semana, 365 dias por ano.
  3. Segurança da informação em ambiente cloud de primeira-linha, com monitoramento diário por serviços de Penetration Testing.
  4. Software sempre atualizado com as recentes mudanças de regulação e tendências e práticas do mercado;
  5. Agilidade e velocidade na entrega das evoluções funcionais e técnicas;
  6. Dispensa testes de novas releases pelo cliente: tudo é feito previamente na nuvem pelo time da BRITech.

#4 Software Atlas PAS é o melhor sistema de gestão de investimentos

Para alcançar essa série de benefícios citados é fundamental adotar métodos ágeis de desenvolvimento de software e geração de duas releases por ano. Criamos ainda uma versão consolidada, que engloba das duas releases e incorpora outras evoluções.

É por isso que o investimento em melhorias e funcionalidades desenvolvidas no Atlas PAS – Portfólio Accounting System – é contínuo. Dentre outras características, destacamos algumas exclusivas do software:

  1. Risco de Mercado integrado;
  2. Explosão das posições em fundos por ativos reais;
  3. Conectividade entre os agentes/players de mercado (distribuidores, assets, wealth managers, administradores e custodiantes);
  4. Conectividade com o software Galgo;
  5. Melhorias na integração com Sinacor e outros Vendors;
  6. Controle de Portfólios e Ativos Offshore;
  7. Controle de Passivo de Fundos Offshore.
  8. Cadastramento automático de títulos como debêntures;
  9. Precificação a mercado;
  10. Tratamento de Títulos Incentivados e Gross-up;
  11. Reconciliação XML Anbima – Associação Brasileira das Entidades dos Mercados Financeiro e de Capitais;
  12. Atribuição de performance em quatro níveis: portfólio, estratégia, classe de ativo e ativo;
  13. Adequação às mudanças regulatórias da CVM-555 incluindo arquivos gerados pelos gestores (assets) e administradores de fundos;
  14. Melhorias na Contabilidade de Fundos e Clubes;
  15. Melhorias em Corporate Actions tais como Fusão, Cisão, Incorporação, Subscrição, Bonificação e Conversão;
  16. Melhorias na API via Web Services.

Com o uso da tecnologia e da ferramenta certa, é possível simplificar as principais atividades e processos do mercado financeiro. Com a Atlas, a BRITech sai na frente e oferece a melhor plataforma de investimentos para instituições financeiras. Experimente e conte para nós a sua percepção! O seu feedback é a fonte de desenvolvimento e aprimoramento da Atlas.

Quer entender melhor as características de um sistema de gestão de ativos? Baixe o nosso whitepaper Terceirização de sistemas para gestão de investimentos: 9 motivos para você escolher a terceirização de sistemas para gestão de investimentos. Descubra as vantagens de apostar em um software completo como o Atlas. Você irá se surpreender!

Sobre o autor:

Marcos Puccini

Juntou-se à BRITech em 2014 e é responsável pelas atividades operacionais e financeiras. Marcos tem mais de 20 anos de experiência no setor de tecnologia, mais recentemente em papéis executivos focados no desenvolvimento de negócios, M&A, operações e planejamento estratégico. Antes de BRITech, ele era CFO na YMF e além BEMATECH, TOTVS e DATASUL.

<< Voltar ao blog
BRITech
[CDATA[function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d
[CDATA[function read_cookie(a){var b=a+"=";var c=document.cookie.split(";");for(var d=0;d