• Três conceitos fundamentais na busca pela perpetuação do patrimônio familiar

    30/07/2018 Por: Ineo

    No mundo das empresas familiares e das famílias empresárias muito se fala na palavra perpetuidade. Sem dúvida, este é um dos maiores objetivos de grandes famílias quando pensam no seu futuro. Uma pesquisa da Campden Research realizada em 2015 com 224 Family Offices no mundo evidenciou que a principal preocupação destes Family offices era “Gerenciar o patrimônio através de diferentes gerações”.

    Veja mais >>
  • Ações: Fundamentos, timing e estratégias

    10/07/2018 Por: Raul Tortima

    Para além da cansativa discussão do melhor método para se avaliar a compra – ou venda – de uma ação, a verdade é que tanto a análise fundamentalista como a técnica podem fornecer instrumentos interessantes, a depender do objetivo buscado. Os gráficos e suas diversas perspectivas de análise podem ajudar no balizamento de preço, considerado sob uma ótica de prazo mais curto.

    Veja mais >>
  • Entendendo o conceito de Open Banking

    04/07/2018 Por: Fernando Braga

    O open banking pode ser definido como um modelo colaborativo no qual os dados bancários são compartilhados por meio de API’s (Application Programming Interface ou, em português, Interface de programação de aplicação) entre duas ou mais partes não afiliadas para fornecer recursos aprimorados ao mercado.

    Veja mais >>
  • Robo-Advisors: Maravilha ou armadilha?

    19/06/2018 Por: Raul Tortima

    Como toda tecnologia ou processo disruptivo que surge no horizonte, os robô-advisors não passam incólumes a uma saraivada de críticas fervorosas. Ao mesmo tempo, exageros são exaltados em larga escala, causando frisson até em profissionais acostumados ao estado da arte em tecnologia.

    Veja mais >>
  • ISS – Administração e Gestão de Fundos e de Carteiras de Clientes – STF Suspende Lei Complementar nº 157/2016

    28/03/2018 Por: Cristiano da Cruz Leite

    Em 23.03.2018, o Ministro do Supremo Tribunal Federal, Alexandre de Moraes, concedeu Medida Cautelar na Ação Direta de Inconstitucionalidade (ADI) nº 5.835 e suspendeu as regras da Lei Complementar nº 157/2016 que haviam estabelecido que o ISS incidente sobre os serviços de “administração de fundos quaisquer, de consórcio, de cartão de crédito ou débito e congêneres, de carteira de clientes, de cheques pré-datados e congêneres” passaria a ser devido ao Município em que localizado o tomador do serviço (cliente), e não mais ao Município do estabelecimento prestador do serviço.

    Veja mais >>
1 2 3 16
BRITech